13/04/2024

Brasil Argentina Portal de Integração

Ordem Progresso União e Liberdade

Biden anuncia força-tarefa do DOD para a China

2 minutos de lectura
O presidente Joe Biden anunciou a formação de uma Força-Tarefa do DOD para a China para fornecer uma avaliação básica das políticas, programas e processos do departamento de Defesa em relação ao desafio que a China representa. Ely Ratner, assistente especial do Secretário de Defesa Lloyd J. Austin III, liderará o esforço. A força-tarefa tem […] O post Biden anuncia força-tarefa do DOD para a China apareceu primeiro em Forças Terrestres - ForTe.

O presidente Joe Biden anunciou a formação de uma Força-Tarefa do DOD para a China para fornecer uma avaliação básica das políticas, programas e processos do departamento de Defesa em relação ao desafio que a China representa.

Ely Ratner, assistente especial do Secretário de Defesa Lloyd J. Austin III, liderará o esforço. A força-tarefa tem quatro meses para desenvolver recomendações para líderes de defesa sênior.

Austin e a recém-empossada Secretária Adjunta de Defesa Kathleen H. Hicks consideraram a China a “ameaça crescente” para os Estados Unidos nesta era de competição estratégica.

A China está tentando derrubar a atual estrutura baseada em regras, que beneficiou todas as nações da região Indo-Pacífico. Os Estados Unidos e seus aliados buscam dar continuidade ao ambiente livre e aberto na região. A China está usando todos os elementos do poder nacional para dobrar as nações à sua vontade.

Os Estados Unidos estão conduzindo operações de navegação livre para garantir que todas as nações possam usar hidrovias e rotas aéreas internacionais. Os EUA estão trabalhando com aliados para melhorar o policiamento das fronteiras nacionais e zonas econômicas exclusivas para garantir a soberania.

Contrariar os esforços chineses é o foco da força-tarefa.

Os oficiais de defesa chamaram a força-tarefa de um “esforço de corrida” que examinará tópicos de alta prioridade, incluindo estratégia, conceitos operacionais, tecnologia e estrutura da força, postura da força e gerenciamento e inteligência da força. A força-tarefa também examinará as alianças e parcerias dos EUA e seu impacto nas relações sino-americanas e do DOD com a China.

A força-tarefa de 15 membros virá de uma ampla faixa do departamento e incluirá o Gabinete do Secretário de Defesa, o Estado-Maior Conjunto, as Forças, os comandos combatentes e representantes da comunidade de inteligência.

A força-tarefa também falará com parceiros interagências para garantir que a resposta da defesa esteja alinhada com a abordagem de todo o governo em relação à China que o presidente deseja.

O post Biden anuncia força-tarefa do DOD para a China apareceu primeiro em Forças Terrestres – ForTe.
militar