13/04/2024

Brasil Argentina Portal de Integração

Ordem Progresso União e Liberdade

Reino Unido veta venda à Argentina de jatos KAI FA-50 sul-coreanos

2 minutos de lectura

Reino Unido veta venda à Argentina de jatos KAI FA-50 sul-coreanos

A Korean Aerospace Industries (KAI) informou o governo da Argentina que não terá condições de fornecer o caça FA-50 Fighting Eagle, variante de caça leve avançado do T-50 Golden Eagle, que a Força Aérea Argentina (FAA) queria desde a época do Governo Macri. A razão é o veto do Reino Unido a tal venda, por causa dos componentes deste país que equipam a aeronave.

A FAA preferiu o FA-50 para tentar recuperar sua capacidade de aviação combate, enquanto existem outros modelos no mercado, como o italiando M-346, o russo Yak-136 e outros.

A Força tem como prioridade recuperar uma capacidade de combate composta atualmente de jatos Lockheed Martin A-4AR Fightinghawk, agora operacionais mas não por muito mais tempo.

Antes de decidir-se pelos jatos sul-coreanos, a FAA estudou várias opções de segunda mão, como jatos Mirage F1, F-16, JF-17 sino-paquistanês e o IAI Kfir.

Pilotos da FAA chegaram a testar o FA-50 e o M-346 e gostaram dos dois modelos.

O FA-50 é propulsado por um motor General Electric F404 e equipado com radar pulso doppler Elta Systems EL/M-2032, RWR e NVG. Ele pode levar uma carga de cerca de 4 toneladas de armamento, incluindo as bombas JDAM e mísseis AGM-65 Maverick, além de um canhão de 20mm e mísseis ar-ar AIM-9 Sidewinder.

KAI-Argentina

FONTE: Defensa.com

via Poder Aéreo – Aviação Militar, Indústria Aeronáutica e de Defesa

October 30, 2020 at 03:14PM

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *