16/06/2024

Brasil Argentina Portal de Integração

Ordem Progresso União e Liberdade

Cerrado goiano abriga maior produtor de bucha vegetal da América Latina

2 minutos de lectura
De origem africana, planta necessita de certos cuidados para o cultivo e não pode ser tocada durante o seu crescimento. Cerrado goiano abriga maior produtor de bucha vegetal da América Latina O cerrado de Goiás abriga o maior produtor de bucha vegetal da América Latina. Apesar de muita gente ainda ver a planta como um complemento na renda familiar, um empresário de Pirenópolis (GO) viu o potencial de seu cultivo. Há 20 anos, Alisson Félix Lopes investiu no negócio e, por ano, tem produção de 1 milhão de buchas. Assista a todos os vídeos do Globo Rural "O processo dela [bucha vegetal] é muito rápido. Do plantio ao início da colheita, são cinco meses", explica o produtor. Atualmente, a propriedade de 30 hectares conta com 60 mil pés de bucha. Ele mesmo possui uma empresa que faz o beneficiamento das buchas; são mais de 100 funcionários para trabalhar na produção. De acordo com o produtor, o potencial da bucha vegetal é grande no Brasil. Em uma pesquisa própria, ele aponta que de 10 consumidores, 3 utilizam a bucha de origem vegetal. Cuidados com as buchas Na fazenda de Allison, a espécie utilizada é de origem africana e tem que ser irrigada dia sim, dia não. "Ela não gosta de ser tocada. Quando você toca, ela vai apodrecer naquele local ali", explica o produtor. Com uma única bucha africana é possível fazer vários produtos para a comercialização. Auster Dias é gerente de produção da fazenda. Ele explica que a coisa só funciona bem se tomar cuidado com as etapas de cultivo. "Fala que trata a semente porque um fruto bom começa desde a semente", explica Auster. Veja os vídeos mais assistidos do Globo Rural

De origem africana, planta necessita de certos cuidados para o cultivo e não pode ser tocada durante o seu crescimento. Cerrado goiano abriga maior produtor de bucha vegetal da América Latina
O cerrado de Goiás abriga o maior produtor de bucha vegetal da América Latina. Apesar de muita gente ainda ver a planta como um complemento na renda familiar, um empresário de Pirenópolis (GO) viu o potencial de seu cultivo.
Há 20 anos, Alisson Félix Lopes investiu no negócio e, por ano, tem produção de 1 milhão de buchas.
Assista a todos os vídeos do Globo Rural
"O processo dela [bucha vegetal] é muito rápido. Do plantio ao início da colheita, são cinco meses", explica o produtor. Atualmente, a propriedade de 30 hectares conta com 60 mil pés de bucha. Ele mesmo possui uma empresa que faz o beneficiamento das buchas; são mais de 100 funcionários para trabalhar na produção.
De acordo com o produtor, o potencial da bucha vegetal é grande no Brasil. Em uma pesquisa própria, ele aponta que de 10 consumidores, 3 utilizam a bucha de origem vegetal.
Cuidados com as buchas
Na fazenda de Allison, a espécie utilizada é de origem africana e tem que ser irrigada dia sim, dia não. "Ela não gosta de ser tocada. Quando você toca, ela vai apodrecer naquele local ali", explica o produtor.
Com uma única bucha africana é possível fazer vários produtos para a comercialização. Auster Dias é gerente de produção da fazenda. Ele explica que a coisa só funciona bem se tomar cuidado com as etapas de cultivo.
"Fala que trata a semente porque um fruto bom começa desde a semente", explica Auster.
Veja os vídeos mais assistidos do Globo RuralFuentes BR,Fuentes BR